(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais

Geral Cirurgia no joelho: conheça os diferentes tipos de artroplastia para quem sofre com o desgaste na articulação

Cirurgia no joelho: conheça os diferentes tipos de artroplastia para quem sofre com o desgaste na articulação

Doenças degenerativas como a artrose, são as maiores responsáveis pelos quadros de problemas no joelho; Zimmer Biomet mostra novidades que ajudam os procedimentos serem feitos, considerando a anatomia de cada paciente

Dores persistentes, estalos e rigidez nas articulações dos joelhos, assim como a gradativa perda da mobilidade, são alguns dos principais sintomas apresentados pelas pessoas que sofrem de doenças degenerativas e incapacitantes, como a artrose. Embora existam alguns tratamentos paliativos, que ajudam a minimizar os sintomas e retardar sua progressão, quando a artrose chega a níveis severos, a única alternativa é a artroplastia de joelho, que já pode ser realizada por meio de plataformas robóticas, como as disponibilizadas pela Zimmer Biomet, líder global em saúde musculoesquelética.  

A cirurgia consiste em substituir a articulação por próteses ortopédicas. No entanto, muitos pacientes ainda têm uma ideia pouco esclarecida sobre esse tipo de procedimento, que não se trata da remoção óssea do joelho, mas sim, da implantação de componentes que cumpram as funcionalidades das cartilagens que envolvem essas extremidades ósseas. Dependendo do diagnóstico e extensão do desgaste dessas articulações, os tipos de artroplastias recomendadas podem divergir, sendo totais ou parciais. 

De acordo com o médico ortopedista especialista em cirurgia do joelho, chefe do departamento de ortopedia e traumatologia da Escola Paulista de Medicina da UNIFESP, Dr. Marcus Luzo, as artroplastias totais de joelho são as mais frequentes na rotina cirúrgica.  

“As próteses parciais são realizadas com menos frequência, pois são indicadas quando apenas uma parte do joelho está comprometida pelo desgaste. Esses quadros parciais causam menos dores e podem ser acompanhados por meio de tratamentos paliativos, como as fisioterapias. No entanto, havendo a necessidade de serem feitas, as artroplastias parciais apresentam alto índice de sucesso e melhor qualidade de vida ao paciente”, explica. 

 

 

Artroplastia parcial de joelho 

Formada por três elementos principais, o osso da coxa, da canela e da ponta do joelho, muitas vezes, a artroplastia parcial é a mais indicada, especialmente quando apenas uma parte dessas extremidades está comprometida pelo desgaste. Desta forma, substitui-se apenas a parte danificada e preservam-se as demais regiões, incluindo cartilagem e ligamentos. Entre os tipos de artroplastias parciais de joelho, estão a medial (o interior da articulação, mais próxima do outro joelho), a lateral (a parte externa do joelho) e a patelofemoral (a frente do joelho, conhecida como rótula). 

 

Artroplastia total de joelho 

Em casos que mais de uma parte das extremidades ósseas estão comprometidas pelo desgaste, faz-se necessária a realização da artroplastia total de joelho. Sendo assim, toda a articulação do joelho é substituída pela prótese ortopédica, a fim de devolver a mobilidade completa e rápida reabilitação desses pacientes para o retorno às atividades de rotina.  

 

Cirurgias robóticas 

O advento da robótica tem permitido ganhos cada vez mais evidentes, tanto aos pacientes que necessitam passar pelas artroplastias, quanto às equipes médicas, que contam com tais inovações para ampliar o índice de sucesso e otimização do tempo dedicado a essas atividades. O apoio das plataformas robóticas, como o ROSA® Knee System, desenvolvido pela Zimmer Biomet para a realização desses procedimentos, tem permitido uma nítida evolução no que diz respeito à precisão e eficiência dessas cirurgias.  

Com esse tipo de tecnologia, os procedimentos passaram a ser feitos de maneira muito mais personalizada, de acordo com a anatomia única de cada paciente. Este tipo de vantagem contribuiu para que, em um curto espaço de dois anos, a solução da companhia já tenha sido utilizada em mais de duas mil cirurgias realizadas no Brasil.  

 

Maior precisão  

Ainda segundo o Dr. Marcus Luzo, que atualmente realiza todas as artroplastias totais de joelho com o auxílio dessas plataformas, a robótica traz muitos benefícios a todos os envolvidos. “Sempre que o paciente ganha, o médico ganha também. A robótica oferece uma precisão inigualável nos cortes ósseos e contribui para que as próteses sejam mais bem posicionadas e alinhadas. Ao permitir que a cirurgia seja menos agressiva, preservando os tecidos que revestem a articulação, os pacientes apresentam boa recuperação e muitos outros ganhos pontuais”, enfatiza.  

Pensando em ajudar pacientes que sofrem com doenças ósseas ou articulares e têm interesse em saber mais sobre a saúde musculoesquelética, a Zimmer Biomet lançou recentemente o portal The Ready Patient. Por meio de diversos artigos publicados no canal, é possível entender um pouco mais sobre a temática, diagnósticos, curiosidades, dicas de vida saudável, preparo e recuperação de cirurgias como as de quadril e joelho. Basta acessar www.thereadypatient.com.br e conferir o conteúdo completo. 

Veja as mais acessadas

Nosso site salva o seu histórico de uso. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para saber mais, acesse Política de Privacidade.

X
Configuração de Cookies:
Cookies Essenciais (Obrigatório)

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança e suas permissões.

Cookies Funcionais

Esses cookies coletam dados para lembrar escolhas que os usuários fazem e para melhorar sua experiência mais organizada.

Cookies Analíticos

Esses cookies nos ajudam a entender como os visitantes interagem com nosso site.