(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais

Ibiam Governo do Estado e Celesc inauguram no Meio Oeste o primeiro trecho dos 500 quilômetros de energia trifásica

Governo do Estado e Celesc inauguram no Meio Oeste o primeiro trecho dos 500 quilômetros de energia trifásica

O Governo do Estado e a Celesc entregaram nessa quarta-feira, 31, obra de melhorias na área rural do município de Ibiam, no Meio-Oeste de Santa Catarina. A ação representa o primeiro lançamento no âmbito da implantação de 500 km de rede trifásica em todo o Estado, projeto anunciado pela companhia para melhorar o fornecimento de energia nos municípios do interior de Santa Catarina. 

Os investimentos realizados em Ibiam atendem a uma demanda de moradores atendidos pelas linhas São Sebastião/São Pascoal, em sua maioria fruticultores e produtores de leite e de suínos. Na região foi feita a alteração do traçado da rede de distribuição existente e o incremento de fases de redes - de monofásicas para trifásicas - em 4,6 km de extensão, beneficiando diretamente a 48 unidades consumidoras. 

O governador Jorginho Mello ressalta a importância desse tipo de investimento no Grande Oeste catarinense, reconhecido como o berço do agronegócio no Estado. "Este investimento representa um novo momento para Santa Catarina. São os primeiros quilômetros de um grande projeto que dará mais segurança para o nosso produtor rural investir em seu negócio, gerando ainda mais emprego e renda. Esses 500 quilômetros de energia trifásica irão permitir que produtores possam ampliar e modernizar suas propriedades. Vai permitir que o jovem fique no campo, de forma que as novas gerações perpetuem os negócios das gerações anteriores", destacou o governador.  

Já o presidente da Celesc, Tarcísio Rosa, ressaltou que toda a cadeia produtiva de origem animal exige uma tecnologia aplicada muito mais robusta. "Com a implementação dos 500 quilômetros de rede trifásica a Celesc cumpre seu compromisso e responsabilidade de levar energia de qualidade para o cidadão e o setor produtivo, atendendo uma demanda reprimida. Ela dá segurança, por exemplo, para a instalação de aviários climatizados e de automações na criação de suínos. Isso exige uma qualidade melhor de energia, não só na tensão adequada, mas também com redução nas quedas de energia", frisou o presidente. 

O produtor rural, Sergioney Turella, disse que a chegada da rede trifásica na sua propriedade vai garantir que as frutas colhidas nos pomares possam ser armazenadas na câmara fria. "Agora a gente não tem mais perda das frutas porque a rede trifásica garante a segurança elétrica que a nossa propriedade precisava. Podemos estocar nossos produtos sabendo que terá energia segura", destacou o produtor rural que atua na fruticultura na cidade de Ibiam. 

Mais municípios da região serão contemplados pela alteração de redes em breve. Para as próximas semanas, estão previstas as inaugurações de obras em Videira, Rio das Antas, Caçador e Lebon Régis. Ao todo, 570 unidades consumidoras serão beneficiadas nessas localidades. 

500 km de redes trifásicas 

No dia 4 de abril, o Governo do Estado e a Celesc anunciaram a substituição de 500 quilômetros de rede monofásica por trifásica, permitindo que o produtor tenha mais disponibilidade e qualidade de energia elétrica. O investimento total será de R$ 40 milhões, sendo R$ 30 milhões em 2023 e mais R$ 10 milhões em 2024. Cerca de 20 mil consumidores do Oeste, Serra, Planalto Norte e Alto Vale devem ser contemplados com o investimento. A melhoria irá viabilizar ampliações de fábricas e automatizações que exigem uma demanda maior de energia. A rede trifásica também irá reduzir o número de quedas de energia, que geram prejuízos na produção.

Galeria de Imagens

Veja as mais acessadas

Nosso site salva o seu histórico de uso. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para saber mais, acesse Política de Privacidade.

X
Configuração de Cookies:
Cookies Essenciais (Obrigatório)

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança e suas permissões.

Cookies Funcionais

Esses cookies coletam dados para lembrar escolhas que os usuários fazem e para melhorar sua experiência mais organizada.

Cookies Analíticos

Esses cookies nos ajudam a entender como os visitantes interagem com nosso site.